Sobre - Inhotim

Seja

Amigo

Sobre

O Instituto Inhotim é um museu de arte contemporânea e Jardim Botânico, localizado em Brumadinho (MG). Reconhecido como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) pelo Governo de Minas Gerais em 2008, o Inhotim é uma entidade privada, sem fins lucrativos, mantida com recursos de doações de pessoas físicas e jurídicas – diretas ou por meio das Leis Federal e Estadual de Incentivo à Cultura – , pela bilheteria e realização de eventos. Idealizado desde a década de 1980 pelo empresário mineiro Bernardo de Mello Paz, do solo ferroso de uma fazenda da região nasceu, em 2006, um dos maiores museus a céu aberto do mundo.

Sua localização privilegiada – entre os ricos biomas da Mata Atlântica e do Cerrado –, e as paisagens exuberantes ao longo dos 140 hectares de visitação proporcionam aos visitantes uma experiência única que mescla arte e natureza. Cerca de 700 obras de mais de 60 artistas, de quase 40 países, são exibidas ao ar livre e em galerias em meio a um Jardim Botânico com mais de 4,3 mil espécies botânicas raras, vindas de todos os continentes.

Sobre

Linha do tempo

2002

Fundação do Instituto Cultural Inhotim, instituição sem fins lucrativos destinada à conservação, exposição e produção de trabalhos contemporâneos de arte, ações educativas e sociais.

Inauguração da Galeria True Rouge, a primeira dedicada exclusivamente a uma obra de arte.

2005

Início das visitas pré-agendadas das escolas da região e de grupos específicos.

2006

Abertura da visitação para o grande público em dias regulares.

2008

Reconhecimento como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) pelo Governo de Minas Gerais.

Inauguração da Galeria Adriana Varejão.

2009

Inauguração de nove novos destinos, com obras icônicas como Beam Drop Inhotim, de Chris Burden; De Lama Lâmina, de Matthew Barney; Folly, de Valeska Soares; Narcissus Garden Inhotim, de Yayoi Kusama; Piscina, de Jorge Macchi, e Sonic Pavilion, de Doug Aitken.

2010

Reconhecimento como Jardim Botânico pela Comissão Nacional de Jardins Botânicos.

Inauguração das Galerias Cosmococa e Miguel Rio Branco.

2011

Lançamento do programa Amigos do Inhotim.

Abertura do Jardim de Todos os Sentidos

2012

Inauguração da Galeria Psicoativa Tunga, com retrospectiva de 30 anos da carreira do artista que influenciou a criação do Inhotim.

Inauguração da Galeria Lygia Pape.

Criação da Escola de Cordas.

Inhotim atinge a marca de 1 milhão de visitantes.

2013

Maior troca de acervo nas galerias temporárias do Instituto.

2014

Inauguração do Jardim Desértico, inspirado nas paisagens do deserto mexicano, com paisagismo de Pedro Nehring.

Alunos do projeto educativo Laboratório Inhotim vão à Nova York e visitam o ateliê do artista John Ahearn.

Reabertura do Vandário, com cerca de 500 exemplares de orquídeas do grupo das vandáceas, em um deck às margens do Lago Novo.

2015

Inhotim celebra 2 milhões de visitantes.

Projeto Inhotim: Mudança Global: parceria com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) para promover a mitigação dos efeitos da mudança climática.

Primeira exposição itinerante do Inhotim, Do Objeto para o Mundo, exibida no Itaú Cultural (SP) e no Palácio das Artes (BH). 

Inauguração da Galeria Claudia Andujar.

2016

Inhotim celebra seus 10 anos de abertura e homenageia Tunga. 

Inhotim Noite Aberta, primeira programação noturna no museu.

Inauguração do Largo das Orquídeas, em parceria com a Orchid Brazil, com cerca de 18 mil Cattleya walkeriana.

2017

Primeira exposição internacional Inhotim: At the Crossroads of Glocal Change, realizada na sede do Banco Interamericano de Desenvolvimento, em Washington D.C., nos EUA.

Seminário Internacional Mudança Climática e Biodiversidade: Ideias e Atitudes que Fazem Diferença, realizado em parceria com o BID.

2018

Inhotim alcança a marca de 3 milhões de visitantes.

Lançamento do Programa de Integridade do Inhotim.

2019

Abertura do Jardim Sombra e Água Fresca.

Inauguração da obra Sem Título, de Robert Irwin

Inhotim lança novos projetos voltados para a comunidade de Brumadinho e região, após rompimento da barragem do Córrego do Feijão: Nosso Inhotim, garantiu gratuidade na entrada de moradores no museu; e Palco Brumadinho, programação que levou artistas de Brumadinho e região aos palcos do Inhotim.

2020

Com o isolamento social gerado pela pandemia da Covid-19, o Inhotim potencializa sua presença digital com a produção de conteúdos inéditos: a série Diálogos, Bastidores e a série Novas Aberturas,  com exposições inéditas na plataforma Google Arts and Culture e o relançamento da série Retrato.

2021

Inhotim comemora 15 anos.

Mapa

Hoje